Receba dicas grátis!

Dicas para limpeza de condomínios

Uma das mais importantes preocupações de um síndico de condomínio é com a limpeza do local. Por meio desse processo, será possível conservar o edifício e todas as estruturas do condomínio.

A limpeza também é fundamental para a higienização dos espaços, evitando a proliferação das bactérias e fungos, insetos e ratos, todos agentes causadores de diversas doenças. Veja abaixo algumas boas dicas de limpeza de condomínios!

1. Defina um cronograma de limpeza

O primeiro passo para efetuar uma limpeza de condomínios com alta eficiência é definindo um cronograma, como se trata de um ambiente grande, não é preciso limpar diariamente todas as áreas com a mesma intensidade.

As áreas que necessitam de limpeza diária são: hall de entrada; banheiros; academia; calçada (varrição) e portaria (incluindo os equipamentos, como telefone, computador e interfone).

As áreas que precisam de limpeza semanal são: quadras; quadros de avisos; elevadores; móveis e playground.

A cada 15 dias, convém limpar: as paredes; os vidros da portaria e das áreas comuns; e os pisos, que precisam ser lavados ou encerados, conforme o material usado.

Mensalmente, os espaços seguintes devem ser higienizados: garagem; portões e grades; escadas e calçada (lavagem com baldes de água ou hidrojateadores).

2. Planeje os horários

Os condomínios são lugares em que há uma grande movimentação de pessoas, por isso, a limpeza deve ser realizada em horários planejados cuidadosamente para não causar incômodos aos moradores, nem prejudicar o andamento de seu trabalho diário.

As áreas que trazem grande circulação, como saguões, precisam aproveitar os horários de menor movimentação, como a tarde. Já o playground deve ser limpo, preferencialmente, pela manhã, pois a maior parte das crianças estuda nesse horário.

Os horários de limpeza devem considerar o menor incômodo possível aos moradores como também evitar acidentes, como pisos molhados, equipamentos espalhados pelos espaços que serão limpos, formação de poças de água e assim por diante.

3. Fique atento ao lixo

O lixo precisa ser bem acondicionado para ser causa de doenças devido à disseminação de agentes nocivos. O ideal é separar a parte do lixo do condomínio que poderá ser reciclada, o armazenamento deve ser feito em sacos adequados e serem destinados aos locais corretos.

Para esses processos, é importante que os moradores participem, separando de maneira correta o lixo. A coleta seletiva é importante e deve ser estimulada através de depósitos específicos para cada tipo de material, conforme sua natureza.

Desse modo, todos estarão dando sua contribuição para o descarte adequado dos produtos e a conservação do meio ambiente.

4. Mantenha as fachadas limpas

A limpeza de condomínios deve considerar de modo especial a fachada, pois é ela quem revela o quanto a administração preocupa-se com a manutenção e higiene do ambiente, as calçadas, como já dissemos, devem ser varridas todos os dias e lavadas todos os meses. O lixo deve ser bem ensacado e disposto em lixeiras e caçambas, de modo a não disseminar o mau cheiro, nem os micróbios causadores de doenças.

Caso o material predominante na fachada seja vidro, deve ser lavado todas as semanas com produtos específicos que confiram brilho e permitam que a fachada fique sempre com boa aparência.

5. Terceirize a limpeza de condomínios

Uma forma de evitar problemas com uma limpeza realmente eficiente é terceirizando esse serviço, como se sabe para manter um ambiente limpo, é fundamental contar com os materiais necessários para essa limpeza e com os profissionais habilitados para executar essas operações. A empresa terceirizada oferece a mão de obra já equipada com os materiais necessários para a limpeza e os conhecimentos necessários para realizar essas operações.

A terceirização de limpeza de condomínios é uma dica valiosa para o síndico que deseja otimizar sua administração e contar com serviços bem efetuados.

Já terceiriza a limpeza de condomínios? Costuma seguir algumas das dicas dadas no post? Faça um comentário nos espaços abaixo!

Adicionar comentário